Toca Raul!!! Blog do Raul Marinho

Pré visões

Posted in Atualidades by Raul Marinho on 26 abril, 2009

walter

Desde que esse blog foi lançado, critico as previsões e os previsionistas econômicos. Aliás, critico as previsões meteorológicas e os prognósticos médicos pelo mesmo motivo: nós não desenvolvemos tecnologia adequada para tal até o presente momento, e as ferramentas estatísticas de que dispomos, baseadas na curva normal, são inadequadas para fazer previsões. O mais inteligente que se pode fazer quanto às previsões é assumir humildemente que não há como saber o futuro com um mínimo de confiabilidade. Se você acreditar em astrologia, runas, tarô etc., jogue seus búzios, faça seu mapa astral, leia as borras de café. O resultado será tão bom quanto o do melhor economista ou estatístico.

Na Folha de hoje, o Clóvis Rossi, num raro lampejo de lucidez, questiona o previsionismo do FMI. Vale a pena ler o artigo do CR:

Seis chutes, todos errados

Esta Folha publicou quinta-feira uma tabelinha com as previsões do Fundo Monetário Internacional sobre o desempenho da economia brasileira entre 2003 e 2008. Adivinha quantas vezes o Fundo acertou nesses seis anos? Adivinhou: zero vez. Zero. Nenhumazinha.
Há erros pequenos, como o de 2008: o FMI previu crescimento de 4,8% e deu 5,1%. Há erros colossais, como o de 2003, ano em que o Fundo chutou 2,8% e o crescimento foi de magérrimo 1,1%, bem menos da metade, portanto.
Há erros para menos (a previsão foi inferior ao crescimento efetivamente registrado) e há erros para mais (o chute era mais otimista que a realidade se mostrou).
Esse histórico só reforça uma tese em que venho insistindo inutilmente faz tempo: previsões sobre economia pouco ou nada têm de ciência. Estão bem mais perto de chute pura e simplesmente.
Acho até que vale parafrasear Groucho Marx quando ele diz que “política é a arte de procurar problemas, encontrá-los, diagnosticá-los equivocadamente e, então, aplicar os remédios errados”.
Previsões econômicas também são um pouco assim.
Vamos então a 2008: o Fundo mudou, em abril, a previsão sobre o crescimento do Brasil feita em janeiro. Antes, o Brasil cresceria 1,8%; agora, vai retroceder 1,3%.
Uma mudança de 3,1 pontos percentuais. Em dinheiro, significa que o Brasil “perdeu”, em meros três meses, algo em torno de R$ 102 bilhões, se seu PIB for mesmo de US$ 1,5 trilhão e se se usar a cotação do dólar a R$ 2,2.
Dá para acreditar em tamanha virada? Talvez desse, se tivesse havido um acerto nos anos anteriores, um só que fosse. Mas, ante o retrospecto, se você fosse gerente de banco, emprestaria dinheiro para o Fundo? E você, mortal comum, não acha mais sábio errar por sua própria conta?

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. Raul Marinho said, on 27 abril, 2009 at 5:10 pm

    Sobre o mesmo assunto, vale a pena ler também esse post, do Kanitz:
    http://brasil.melhores.com.br/2009/04/como-melhorar-nossa-imprensa.html


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: